especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Habitação - 06/07/2012 - 10h21

Governo garante mais de R$ 56,5 milhões para construção de 1.137 novas moradias em 3 municípios




Por Redação Pantanal News/Karina Lima-Notícias.MS

demir Rodrigues

Campo Grande (MS) – As famílias de baixa renda continuam a ser beneficiadas pelo governo do Estado através de Programa MS Forte – Habitação. Nesta sexta-feira (6) o governador André Puccinelli assina contratos de compromisso do Minha Casa Minha Vida, inserido no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2 – Habitação) que garante mais 759 moradias para Anastácio, 293 unidades habitacionais em Aquidauana e mais 85 casas em Coronel Sapucaia.
A parceria entre os entes federativos (governo estadual, federal e municipal) foi responsável pela quantia de R$ 56,5 milhões para serem investidos na construção das casas 1.137 residências, tendo como agente financeiro a Caixa Econômica Federal.
Para a construção das unidades habitacionais somente o governo do Estado destinou mais de R$ 3,6 milhões, complementados com recursos federais na ordem de R$ 51,165 milhões e mais R$ 1.639.500,00 mil vindos das Prefeituras dos municípios, que ainda foram responsáveis pela cedência dos terrenos que irão receber a construção das moradias.  
As casas serão compostas por dois quartos, sala, cozinha e banheiro e divididas em unidades padrão com 36,76 metros quadrados de área construída e unidades de 38,72 m² com total acessibilidade, destinadas ao atendimento de pessoas com deficiência.
PAC 2
O empenho do governo do Estado e da Secretaria de Estado de Habitação e das Cidades (Sehac) na execução das obras do setor da habitação já na primeira fase do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) garantiram para Mato Grosso do Sul a conquista de mais recursos para iniciar a segunda etapa do PAC 2.
Os municípios foram selecionados pelo Ministério das Cidades no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) por se enquadrarem no Grupo 3 - modalidade de Urbanização de Assentamento Precários, conforme disposto na portaria nº 644, de 22 de dezembro de 2010. O programa visa atender famílias que moram em área de risco e degradante.
Nesta fase seis municípios recebem recursos vindos do PAC, por meio do Programa Minha Casa Minha Vida, com contrapartida financeira do Estado e das prefeituras, com investimentos que chegam a R$ 83,1 milhões para atender com a construção de moradias os seguintes municípios: Anastácio (759 unidades), Aquidauana (293 unidades), Coronel Sapucaia (98 unidades), Iguatemi (106 unidades), Ivinhema (189 unidades) e Sete Quedas (284 unidades).
133 Moradias
No município de Ponta Porã o governo do Estado entrega as chaves de mais unidades habitacionais e realiza o sonho da casa própria para 133 famílias. No sábado (7) serão entregues as moradias do residencial Bosque Carandá que fazem parte do programa Minha Casa Minha Vida, construídas através do projeto estadual de habitação Meu Lar.
 A parceria do governo federal, somados a contrapartida estadual e municipal, foi responsável pelo investimento de cerca de R$ 5,8 milhões para construção de 129 unidades padrão e quatro unidades adaptadas para receber moradores que necessitam de acessibilidade na moradia, ambas medindo 32 metros quadrados. A entrega das casas acontece na rua São Judas Tadeu esquina com a rua Nilo Baren, no bairro Ipê I, às 9 horas.
Mais casas
O governo do Estado garante ainda a entrega de mais 45 moradias nesta sexta-feira (6), sendo 30 unidades no município de Bodoquena - no loteamento Memorial - e 15 casas do loteamento Porto Belo, em Maracaju. Para a construção das moradias fruto de parceria entre o governo do Estado, União e Prefeituras dos dois municípios foram aplicados R$ 765 mil. As casas medem 35,08 m², distribuídos em dois quartos, sala, cozinha e banheiro.
As ações desenvolvidas por meio do programa MS Forte- Habitação somam mais de 56 mil moradias desde 2007, incluindo as entregues, as que estão em construção e as contratadas.

Siga as notícias do Portal Pantanal News no Twitter:
www.twitter.com/PantanalNews

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
 
Últimas notícias do canal
22/01/2014 - 10h09
Prefeito e gerentes participam de reunião na superintendência da Caixa
25/02/2013 - 10h21
Minha Casa, Minha Viva supera 1 milhão de moradias
22/02/2013 - 16h57
Governo entrega 50 casas em Novo Horizonte do Sul para atender famílias na área rural
20/02/2013 - 07h45
Governo apresenta diretrizes para cadastramento de propostas para construção de casas nos municípios
19/02/2013 - 10h05
Estados e municípios terão R$ 1 bi em crédito para mobilidade urbana, PAC e Minha Casa, Minha Vida
 
Últimas notícias do site
22/09/2014 - 15h04
GESAU abre seleção para interessados em trabalhar na UPA
22/09/2014 - 15h02
Confira as ocorrências dos Bombeiros nas últimas horas
22/09/2014 - 14h24
Livro apresenta o espiritismo para crianças
22/09/2014 - 14h12
Biblioteca SESI Indústria do Conhecimento comemora Dia da Árvore
22/09/2014 - 13h30
Rotai prende jovem com faca e maconha
 

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.