zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Saúde - 07/11/2011 - 11h53

Proteína de soja reduz risco de doenças cardíacas e AVC




Por Redação Pantanal News/Portal Educação

Um novo estudo, publicado na versão online do European Journal of Clinical Nutrition e desenvolvido por pesquisadores da Universidade de Tulane de Medicina Pública e Tropical (EUA), demonstra que a suplementação com proteína de soja, comparada à proteína do leite, melhora o perfil lipídico em pessoas saudáveis.

Os pesquisadores acompanharam 352 adultos saudáveis nos Estados Unidos, entre os anos de 2003 e 2008. Os participantes foram divididos em três grupos, cada um recebeu 40 gramas diárias de proteína de soja, proteína do leite e carboidratos, respectivamente, durante oito semanas.

Ao final da análise, os estudiosos descobriram que aqueles que consumiram a proteína de soja apresentaram níveis de lipídeos (gorduras) no sangue mais baixos do que os grupos que consumiram proteínas do leite e carboidratos. Com essa baixa de lipídeos, essas pessoas tiveram uma redução no risco de doenças cardíacas coronárias e de derrame cerebral.

Foi possível observar também uma redução do colesterol total nas pessoas que receberam a suplementação com proteína de soja em comparação com carboidratos. Comparada à proteína do leite, a suplementação com proteína de soja aumentou significativamente o HDL e reduziu o colesterol LDL.

O Programa Nacional de Educação sobre o Colesterol dos Estados Unidos destaca a importância das mudanças terapêuticas no estilo de vida como principal ação de prevenção contra o alto colesterol. Isso inclui modificações na alimentação, redução do peso e aumento de atividade física. Crescem as evidências de que o consumo de proteína de soja em substituição à proteína animal reduz os níveis de colesterol sanguíneo e pode proporcionar outros benefícios cardiovasculares.

Seis dúvidas mais comuns sobre a soja esclarecidas

1. Qual a diferença da proteína oferecida pela soja e pelos alimentos de origem animal?
A soja apresenta fatores antinutricionais que interferem na biodisponibilidade de nutrientes, ou seja, a quantidade de proteínas e minerais, como o ferro, cálcio e magnésio, apresentam uma diminuição na absorção no intestino. Entretanto, parte desses fatores antinutricionais é desativado durante o processamento da soja através do calor. As leguminosas como, por exemplo o feijão, são boas fontes de proteínas de origem vegetal.

2. Qual a importância das proteínas para nossa saúde?
As proteínas são conhecidas como alimentos construtores, pois fornecem aminoácidos para a formação de outras proteínas e o desenvolvimento do organismo.

3. Quais outros nutrientes importantes para a saúde a soja oferece?
As proteínas e a isoflavona (fitoestrógeno que também tem ação anti-oxidante) são os nutrientes da soja que merecem atenção. A soja também contém carboidratos, além das fibras que atuam na melhora do funcionamento intestinal.

4. Dá para contar só com a soja para atingir a recomendação diária de proteína?
A soja é um importante alimento com grande qualidade nutricional. Entretanto, o recomendado é que a alimentação seja a mais variada possível. Dessa maneira, utilizar os alimentos derivados da soja combinados com os de origem animal (carnes, leites e derivados) é uma estratégia para que, além da proteína, outros nutrientes sejam fornecidos através da dieta como, por exemplo, cálcio, ferro, vitaminas do complexo B, entre outros.

5. Em excesso, ela pode ser prejudicial de alguma forma?
O ideal é que os alimentos e, consequentemente, os nutrientes e calorias sejam consumidos na quantidade adequada para que não ocorra prejuízo para a saúde. A soja, por conter fatores anti-nutricionais, em excesso fará com que nutrientes importantes não sejam absorvidos. Além disso, estudos relacionam o excesso de soja com o surgimento de alterações na função da glândula da tireóide, como, por exemplo, o hipotireoidismo.

6. A soja é muito calórica? É rica em gorduras?
Cada 100 gramas da soja crua fornece 363 calorias. O maior fornecedor de energia para a soja é a gordura, seguida das proteínas e dos carboidratos. É importante ressaltar que, em gramas, as proteínas estão presentes em maior quantidade. Entretanto, como cada grama de gordura fornece 9 calorias e cada grama de proteínas, 4 calorias, a gordura passa a ser o nutriente que fornece mais energia para a soja.

 

Fonte: http://www.minhavida.com.br/conteudo/14205-proteina-de-soja-reduz-risco-de-doencas-cardiacas-e-avc.h

 

Siga as notícias do Portal Pantanal News no Twitter:
www.twitter.com/PantanalNews

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
21/07/2017 - 16h10
Mato Grosso do Sul perdeu R$ 2,27 bilhões com violência no trânsito em 2016
11/07/2017 - 12h17
Paulo Siufi cobra acordo para regularização de repasse dos agentes de saúde
01/07/2017 - 10h05
Saúde alerta para doenças respiratórias durante período de baixa umidade no inverno
22/06/2017 - 14h12
Teste da orelhinha: diagnóstico permite que bebês com deficiência auditiva desenvolvam a comunicação precocemente
09/06/2017 - 07h52
Comissão de Saúde aprova desbacterização em ambientes fechados
 
Últimas notícias do site
19/08/2017 - 17h12
Vídeo: Ministro oficializa migração de 23 rádios da frequência AM para FM
19/08/2017 - 17h00
Vídeo: Ministro assina documento que autoriza migração de rádios AM para FM em MS
19/08/2017 - 09h45
PMA autua empresa de Mato Grosso e apreende carreta com carga ilegal de madeira
19/08/2017 - 09h01
AGENDONA: Fim de semana tem tradicional 'Bon Odori', espetáculo 'Improváveis' e mais
19/08/2017 - 08h00
Em Campo Grande, ministro autoriza migração de 36 emissoras AM para FM
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.