especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Indústria e Comércio - 14/10/2011 - 07h45

Sebrae reforça ações de municipalização da Lei Geral




Por Redação Pantanal News/Agência Sebrae de Notícias

Junto com a Confederação Nacional dos Municípios, instituição realiza seminários para explicar as vantagens em implementar a legislação

Brasília - Para acelerar o processo de implementação da Lei Geral da Micro e Pequena Empresa, o Sebrae e a Confederação Nacional dos Municípios (CNM) estão promovendo seminários sobre a importância da lei e capacitando agentes de desenvolvimento - pessoa designada pelo município como articulador entre as ações das prefeituras e a iniciativa privada. Os eventos serão realizados dia 17, em Goiânia, e dia 25, em Maçatuba (SP).

Desde 2010 já foram realizados 20 cursos e formados 671 agentes. Também ocorreram 38 seminários, com mais de 1500 pessoas oriundas de cerca de 80 cidades. O objetivo estratégico do Sebrae é colocar os dispositivos da lei em prática, depois de superado o estágio inicial, quando mais de 50% das cidades brasileiras regulamentarem a legislação.  É o que informa o coordenador das ações na área de Desenvolvimento Territorial do Sebrae, Carlos Eduardo Pinto Santiago. Segundo ele, a proposta é que dos 3.304 municípios que já estão legalizados, dois mil façam a implemententação da lei até 2015.

Ainda de acordo com Carlos, os prefeitos precisam conhecer as vantagens da Lei Geral: aumento da formalização, promoção do desenvolvimento local e uso do poder de compra. As compras públicas, um dos itens tratados na lei, tem potencial forte de retenção de renda no município. "É um mercado que pode se abrir e fomentar novos negócios”, disse. Para ele, tem crescido a participação das micro e pequenas empresas nas compras realizadas pelo governo federal. Em 2002 o volume dessa participação foi de R$ 2.9 bilhões. Em 2010 o número saltou para R$ 15,9 bilhões.

A realização dos seminários e a formação dos agentes de desenvolvimento são frutos do convênio firmado entre Sebrae e a Confederação Nacional dos Municípios (CNM). Na avaliação do coordenador do convênio na CNM, Augusto Braun, “o trabalho tem contribuído para o aumento da receita dos municípios, devido ao crescimento da formalização das micro e pequenas empresas e de empreendedores individuais”. Ele afirma que o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) tem sido o tributo mais impactado positivamente. 

“Para os prefeitos, a falta de servidores municipais com domínio do conteúdo da lei e a ausência de ferramentas tecnológicas são os principais impeditivos para colocar o dispositivo em prática”, explica Augusto Braun. Tem sido ainda disponibilizadas ferramentas de suporte técnico a distância, via serviço de call center da CNM, e o chat que acontece semanalmente sobre temas voltados à Lei Geral, no Portal do Desenvolvimento Local. Na página também está disponível uma manual de perguntas frequentes sobre a legislação.

O diretor de Tributos da prefeitura de Guaraciaba (CE), Djalma de Souza, participou do seminário em julho deste ano. Ele conta que o evento trouxe vários esclarecimentos sobre a Lei Geral, tanto para o empresariado local quanto para a própria prefeitura. “Os empresários tornaram-se mais participativos nos processos licitatórios. Muito do que é produzido aqui como rapadura, verdura e frutas está na merenda escolar”, destaca Djalma.

 

Siga as notícias do Portal Pantanal News no Twitter:
www.twitter.com/PantanalNews



Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
 
Últimas notícias do canal
23/12/2013 - 06h00
Indústria fecha 2013 com crescimento de 17,4% e Fiems estima avanço de até 12,2% para 2014
21/03/2013 - 09h05
Páscoa gera otimismo nos empreendedores da Capital
21/03/2013 - 08h57
Semana de Desenvolvimento trará exposição de produtos
19/03/2013 - 15h57
Bancos, telecomunicações e comércio eletrônico têm novas regras
19/03/2013 - 15h45
Plano nacional amplia rede de proteção ao consumidor
 
Últimas notícias do site
18/09/2014 - 09h42
PM de Dois Irmãos do Buriti desvenda furtos e apreende adolescente
18/09/2014 - 09h23
PM de Anastácio prende homem com mandado de prisão
18/09/2014 - 06h49
Previsão de sol e chuva na maioria das regiões nesta quinta-feira em MS
18/09/2014 - 06h44
Aeroporto de Campo Grande opera sem restrições
17/09/2014 - 16h26
Saúde confirma mais 2 mortes e gripe mata mais após vacinação em massa
 

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.