zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
O Estado do Pantanal - 11/02/2015 - 10h00

Sinalização não impede mortes de animais na BR de acesso ao Pantanal




Marcos Ermínio

Animais mortos próximo a rodovia são facilmente vistos.

Marcos Ermínio

Durante a rodovia, diversas placas alertam para a presença de animais.

Marcos Ermínio


Marcos Ermínio

Por Priscilla Peres e Marcos Ermínio do Campo Grande News / Redação Pantanal News

Na BR-262 a caminho de Corumbá, a sinalização não é o bastante para evitar o atropelamento de animais. Mesmo com placas em toda a extensão da rodovia, alertando para o perigo de animais invadirem a pista, 15 espécies foram encontradas mortas na manhã de ontem (10). 

A equipe do Campo Grande News percorreu 410 quilômetros entre Campo Grande e Corumbá ontem e durante todo o trajeto encontrou diversos animais atropelados na pista. Foram duas capivaras, dois tamanduás bandeiras, um veado catingueiro, uma anta, duas seriemas, um gavião, quatro tatus, uma cobra e um lobo guará.

De acordo com a PRF (Polícia Rodoviária Federal), a rodovia para Corumbá é onde mais aconteceacidentes envolvendo animais, principalmente por ser Pantanal. No ano passado, foram 190 casos na BR-262, entre os quilômetros 365 e 779.

Para o major da PMA (Polícia Militar Ambiental), Edmilson Queiroz, o respeito ao limite de velocidade pode reduzir significativamente o número de acidentes. "Se o condutor viajar no limite da via, com certeza há tempo de ver o animal, reduzir e evitar o acidente", destaca.

E deixar o bicho atropelado na pista, pode provocar um segundo acidente. “Existe até casos de capotamento por causa do animal que ficou morto na pista, em especial quando se trata de bichos maiores, como a anta”, alerta.

A PRF faz a remoção dos animais que são deixados nas rodovias ou encaminha para a PMA, quando o bicho sobrevive a pancada. “Quando ocorre um acidente, o código de trânsito prescreve que o condutor deve liberar a via e se for possível também o animal, mas não há prescrição em relação ao animal especificamente. Socorrer ou removê-lo é um ato de cidadania”, comenta o inspetor da PRF, Tércio Baggio, ao lembrar que o condutor deve chamar a polícia rodoviária pelo número 191, em caso de acidente.

No caso de animais mortos em vias urbanas, a empresa que realiza serviço de limpeza na Capital, a Solurb deve ser chamada para fazer a remoção. A PMA também pode ser acionada pelo telefone 3357-1500.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
28/09/2017 - 10h00
Leilão da Feapan destaca a beleza e rudez do cavalo pantaneiro
24/09/2017 - 10h15
Com produtores, Ruiter conhece potencial econômico do cavalo pantaneiro
21/09/2017 - 16h11
Frigorífico de jacarés leva qualidade do Pantanal ao mundo, diz Reinaldo
20/09/2017 - 16h40
Blairo Maggi vem a MS para inaugurar frigorífico de jacarés em Corumbá
14/09/2017 - 08h18
Reinaldo lança música feita por Almir Sater para aniversário MS
 
Últimas notícias do site
20/10/2017 - 15h38
Asfalto entre Piraputanga e Camisão vai impulsioncar ecoturismo na região
20/10/2017 - 15h06
Alerta prevê tempestades em 43 municípios de Mato Grosso do Sul
20/10/2017 - 14h13
PMA autua proprietária rural por exploração ilegal de madeira
20/10/2017 - 12h30
PMA autua jovem por manter ave silvestre em cativeiro
20/10/2017 - 11h33
Incêndio em parque estadual de MS é controlado após uma semana com ajuda de chuva, diz Imasul
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.