especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
O Estado do Pantanal - 27/01/2015 - 17h46

Programa Cama e Café chega a Corumbá (MS)

Programa de hospedagem alternativa atrai visitantes interessados em se aproximar da cultura local, trocar experiências com moradores e economizar na estadia. Em Corumbá, os preços variam entre R$ 60 e R$ 120




Fundação de Turismo do Pantanal

Por Assessoria / Redação Pantanal News

A partir desta terça-feira (27), quem estiver em Corumbá (MS) terá a oportunidade de se hospedar na casa dos próprios moradores. A iniciativa faz parte do programa Cama e Café, que estimula a oferta “natural” de leitos a turistas, mobilizando a comunidade e aproximando os visitantes da cultura da região. São casarões históricos e residências simples, de rico valor cultural, localizados em meio aos biomas naturais do Pantanal e patrimônios históricos tombados, a preços que variam entre R$ 60 a R$ 120. 

O morador Athayde Junior, proprietário de uma casa corumbaense da década de 40, abriu as portas de sua casa para dar início a um projeto piloto na cidade. “Queremos apresentar as festas tradicionais, a cultura da região e os pratos típicos. Não apenas a variedade de peixes e o Rio Paraguai”, afirma. Até meados de fevereiro, mais quatro empreendimentos serão ofertados aos visitantes de Corumbá.

O Ministério do Turismo estimula as hospedagens alternativas pelo país, pois acredita que elas diversificam a oferta de leitos a um preço acessível e promovem a interação cultural. As diárias são econômicas e incluem café da manhã. Comum em países europeus, o programa cama e café atrai pessoas que buscam experiências marcantes no local. “A boa hospitalidade do anfitrião e a troca de informações torna  a estadia ainda melhor”, diz o ministro do Turismo Vinicius Lages. “A experiência do bom acolhimento, inclusive, tem motivado os estrangeiros da Copa a voltarem ao país após a Copa do Mundo”, diz.     

Corumbá é um dos 65 destinos indutores do turismo brasileiro, e recebe cerca de 214 mil turistas ao ano. “Com a nova oferta de leitos vamos estimular o intercâmbio de culturas e proporcionar a convivência sustentável em meio aos biomas da natureza, agregando mais uma alternativa de renda à população”, afirma a diretora da Fundação de Turismo do Pantanal, Hélènemarie Fernandes.

A partir de março, os interessados que moram na região e tem interesse em participar do programa poderão se inscrever. É necessário se tornar um micro empreendedor individual, formalizar o cadastrado no Cadastur, do Ministério do Turismo, e passar por um processo de capacitação, pelo Sebrae.

O Cama e Café também está presente em destinos como Brasília, Rio de Janeiro e Mato Grosso.

 

 

HOSPEDAGEM ALTERNATIVA

As hospedagens alternativas agradam os turistas estrangeiros que visitam o Brasil. Do total de visitantes internacionais (5,8 milhões) que estiveram no país em 2013, boa parte escolheu meios alternativos para se hospedar, como casas de amigos e parentes (26,4%), albergues e camping (5%) e casas alugadas (11,2%).

 

Além disso, o Cama e Café é uma das opções apoiadas pelo MTur que atendem a grande demanda dos turistas que circulam pelo País, principalmente em grandes eventos como a Jornada Mundial da Juventude, a Rio+20, as Olimpíadas e a Copa. Albergues, aluguéis de temporadas e campings também foram alternativas mapeadas pelo Turismo.


Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
27/11/2017 - 08h39
“Se Amazônia é pulmão, Pantanal é o coração do planeta”
13/11/2017 - 09h40
Dia do Pantanal: mais que comemorar, ainda há muito a descobrir e preservar
10/11/2017 - 13h23
Com chuvas dos últimos dias, rios de MS atingem nível de alerta para enchente
08/11/2017 - 15h27
Devastação do Pantanal representa custo de R$ 19 milhões por ano
03/11/2017 - 13h10
Último fim de semana da temporada de pesca lota cidades de MS
 
Últimas notícias do site
13/12/2017 - 08h34
Acumulada, Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 33 milhões nesta quarta-feira
13/12/2017 - 07h58
Azambuja se reúne com empresa e dá posse ao novo secretário de Saúde
13/12/2017 - 06h54
'Dog itinerante': Este cachorrinho já visitou mais cidades que muita gente
13/12/2017 - 06h38
Dia amanhece com sol entre nuvens, mas previsão é de temperatura alta
12/12/2017 - 14h30
Produção de grãos em MS cresce 40%, alta acima da média nacional
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.